Segunda-feira, 12 de Maio de 2008

Solidão e stress

Solidão e stress

 

 Hoje em dia, com o conceito de família em degradação, verificamos que cada vez há mais pessoas a viver sozinhas. Pelo menos, longas temporadas. As razões são diversas: Opção própria, casamentos desfeitos e namoros acabados são as mais comuns.

Viver sozinho por opção, é um facto aceite, voluntariamente, que raramente provoca danos morais e ou psicológicos. Um divórcio, litigioso ou não, provoca sempre grandes perturbações nos seus autores. Normalmente um fica com a casa e com os filhos, quando existem, e o outro sai. Tanto um como o outro até refazerem a vida, ou não, sentem-se sós. Por vezes entram em grandes depressões de difícil recuperação. Os namoros acabados, são outro drama!. Sobretudo namoros de seis, sete, oito anos e mais. Na maior parte já com casa própria e a viverem juntos há algum tempo. Por qualquer motivo, decidem romper a relação. Cada um vai para seu lado. Normalmente um vai para casa dos pais e o outro fica a viver sozinho. As consequências sã diversas e imprevisíveis: Desde a depressão ao suicídio pode acontecer de tudo.

É frequente ouvir pessoas nesta situação, ou que passaram por ela, a queixarem-se de stress, devido á solidão. É natural que o choque seja grande!. Afinal foi o corte de uma relação que já durava há algum tempo e que foi criada com sentimento e amor!.

Acredito que não seja fácil!. Mas, as pessoas, são pessoas e pensam!... Têm de reagir!... Não podem deixar-se abater por isso!... Têm de ser criativas e combater da depressão e o tal stress da solidão!... – Mas como?, Meter-se com um psicólogo, ou há alguma terapia especial?.  - Tratamento psicológico vigiado é uma possibilidade a considerar e talvez a mais fácil e cómoda. Os resultados é que podem ficar aquém dos esperados!... Em alternativa penso que cada um por si pode criar uma terapia própria, simples e sem custos.

Aceitemos como certo o seguinte princípio: “A solidão está na nossa mente. Se a educarmos, nunca mais nos sentimos sós”.

E, eis a terapia: “Educar a mente”. Como aplicá-la? – É simples. Vejamos:

- Se não temos com quem falar… Falamos com o nosso espírito!... Em casa podemos falar alto e com bom som. Na rua em surdina para não nos chamarem “maluquinhos”. E, mesmo na rua, se pusermos uns auscultadores nos ouvidos, podemos falar no tom que quisermos. “Está a falar ao telemóvel” – pensam os outros.

- Se andamos na rua, como é que estamos sozinhos?... Há tanta gente e tanta coisa ao nosso redor!... Podemos é não falar com as pessoas, mas se quisermos, podemos fazê-lo!... É natural que, bem perto, haja outra pessoa na mesma situação!.. Basta estarmos atentos e aproveitar a oportunidade quando surge!.

- Em dias de sol, temos sempre algo que nos acompanha: A nossa sombra. É o nosso par!... A nossa companheira de viagem … Com quem, também, podemos falar!...

- Á noite!... Pode ser mais complicado!... Mas, temos as nossas coisas: Vestuário, relógio, óculos e outros adornos com quem podemos falar!... É, só questão de imaginação. – Lembremos o termo antigo “Falando com os meus botões” e aceitemos que “uma cadeira junta com um vaso, é um par impossível, mas feliz”.

Por onde quer que andemos nunca estamos sós. O espírito, a sombra e a imaginação são  companheiros inseparáveis.

Obviamente, que isto é um exercício mental, cujo objectivo é desviar a preocupação, o desgosto e a mágoa, como forma de aliviar o sofrimento e combater o famigerado stress. É, um exercício, que vale a pena fazer, repetidamente!... Se, de cada vez, resultar só um minuto, já é bom!... Sessenta minutos fazem uma hora e vinte e quatro horas fazem um dia!... É, preciso, é ter isto na mente e tentar!... Tentar!... Tentar!...

 

Jcm.pq

 

publicado por jcm-pq às 11:52
link | comentar | favorito
7 comentários:
De luadoceu a 20 de Maio de 2008 às 20:32
ola jose
boa noite

falas do exemplo se sentirmo nos sos no meio da solidao e talvez como sair dela
o problema nao e tentar no meio da multidao sair da solidao,ate e acessivel, o problema e a receptividade ou nao das pessoas a nosso convivio e da frieza da mesma.sabes que nao ha muito calor humano,ha desconfianças e pouca receptividade....

a noite e bem pior sentir a solidao,aqui mesmo falando com espirito e com os botoes,que acontece sim,mas e complicado.....muito mesmo...porque ha menos distracçao e hoje em dia ja a elevisao canta

claro que ha hobbies...ler...fazer croche,ponto cruz,palavras cruzadas...arrumar o quarto,casa,etc....mas falta pessoas....e falta amor....

aparece sempre que quizeres

boa semana para ti


De Moira a 21 de Maio de 2008 às 13:11
Belo texto sobre solidão, stress e depressão.
Eu cá tenho as minhas teorias, sobre o assunto: Para a solidão acrescento à sua lista mais um item, façam um blog, escrevam bons textos e esperem pelas visitas, elas vão surgindo devagarinho, vão perdendo a timidês aos poucos, começam a comentar, e garanto que fazem imensa companhia.
Para o stress, isso é coisa que eu não tenho, por muito que me pressionem, tenho uma forma muito "zen" de estar na vida, com calma tudo se resolve e bem...
Para a depressão, bom aqui a coisa muda de figura, é preciso ganhar auto-estima, normalmente a depressão é na maioria das vezes resultado da falta de auto-estima, isto na minha opinião. No entanto há sempre formas de minorar os problemas, a minha técnica é a seguinte, quando estou a sentir que já não aguento mais e me sinto a pior pessoa no mundo, lembro-me dos milhões de pessoas, crianças incluídas, por esse mundo fora, que não têm água potável, não têm o que comer, não têm casa no verdadeiro acesso da palavra, e não têm tantas ouitras coisas que para nós são absolutamente normais e imprescindíveis... Aí paro para pensar será que o meu problema, a razão da minha depressão é realmente um problema? Chego sempre à conclusão que não é e não chego a ir ao médico, que nos entope de comprimidos que nos fazem vegetar o dia inteiro, para não pensarmos nos problemas!


De jcm-pq a 24 de Maio de 2008 às 12:03
Olá Moira!

Como sabe, tomei a liberdade de adicionar ao meu grupo de amigos!. É mais fácil o acesso aos post´s.
Obrigado pela apreciação que fez ao texto!.
A sua filosofia para combater o stress e a depressão, são indícios ou prova da capacidade de domínio da mente, e isso é muito bom. Os meus parabéns!.

Jcm-pq


De Moira a 24 de Maio de 2008 às 22:57
Sem problemas, eu faço mesmo só que utilizo o google reader, assim consigo acompanhar mais fácilmente todos os Blogs que gosto de ler. E claro que as visitas e os comentários são sempre benvindos!
Essa parte do domínio da mente é engraçada nunca tinha pensado nisso nesses termos, foi apenas a forma que encontrei para me tornar imune a depressões, pois conheço várias pessoas que padecem desse mal e nãoé nada agradável, pelo menos tem funcionado...


De Susan a 4 de Julho de 2020 às 14:50
Estou totalmente empolgado e também aqui para compartilhar meu testemunho ao vivo para o mundo. Quero agradecer muito ao Dr. Fayosa por trazer alegria e felicidade à minha vida mais uma vez e por restaurar meu relacionamento quebrado com meu namorado, nunca acreditei em qualquer uma dessas coisas até eu perder meu namorado há algumas semanas. Quando pensei que toda a esperança estava perdida, encontro um testemunho de uma senhora chamada Albert Grace do grande trabalho feito por ela por um poderoso lançador de feitiços, Dr. Fayosa, então entrei em contato com ele e Eu expliquei todos os meus problemas para ele no segundo dia depois de seguir suas instruções, ele me disse que vou levar meu namorado dentro de 48 horas em que confio nas palavras dele e acreditei no feitiço dele no segundo dia após o feitiço ter sido feito um número estranho me ligou, fiquei chocado ao ouvir a voz e eis que era meu namorado que não me chamava há mais de dois meses, agora ele pediu perdão e me pediu para voltar para ele, eu o perdoo de tudo o que ele fez comigo no passado e começamos um novo e doce relacionamento novamente, estou aqui para testemunhar ao mundo porque sou um testemunho vivo: você tem um amigo ou uma família que está doente? criança ?, Se você quer promoção em seu escritório, sorte no jogo, feitiço de vida rico, se você quer ser famoso, feitiço de política, proteção, dinheiro e feitiço de emprego, entre em contato com o Dr. Fayosa para obter ajuda rápida e uma vida pacífica. E-mail: (Fayosasolusionhome@gmail.com) ou diretamente no whats-app +2348151918774


De Emmanuel a 4 de Julho de 2020 às 14:52
Olá pessoal, é assim que eu consegui minha ex-namorada de volta com a ajuda do Dr. Fayosa, eu estava ficando louca e com dores quando minha namorada me deixou e se mudou para o Novo México com seu novo namorado que ela conheceu. Tivemos um relacionamento adorável antes da luta com ela porque ela estava tendo um caso com seu colega de trabalho que a perseguia, ela se recusa a falar comigo ou a voltar para casa quando eu descobri que ela estava me traindo nas últimas semanas, agora eu acho tão difícil lidar sem isso ela porque eu a amo tanto tudo isso aconteceu em 04/11/2020 Eu gostaria de não a amar e gostaria de poder seguir em frente com a minha vida sem ela, onde a pergunta passa pelo meu coração todos os dias, mas não consigo imaginar minha vida sem ela porque eu a amo tanto, tentei todo o possível para recuperá-la, mas todas as tentativas falharam, eu me degradei implorando que ela voltasse para mim para que possamos resolver o problema até que ela finalmente saia e vá para Cidade do Novo México com seu novo namorado, fiquei muito preocupado e ne ajuda, encontrei um pós-testemunho em um site como o Dr. Fayosa ajudar uma dama e restaurar seu casamento de 12 anos, entrei em contato com o Dr. Fayosa e ele me disse o que eu precisava fazer e o fiz, então ele lançou um feitiço de amor para mim dois dias depois, minha ex-namorada me ligou e me disse que sentia muita falta de mim e pediu desculpas pelos erros que cometeu e promete nunca mais me machucar ou me deixar novamente. Após esse feitiço da Dra. Fayosa, tudo voltou ao normal e ela voltou. para a França e agora ela está comigo, me ama e me respeita mais do que nunca, estamos vivendo felizes juntos novamente. Tudo graças ao Dr. Fayosa por seu grande trabalho, estou aconselhando todos que passam por momentos difíceis e tendo problemas em seu relacionamento para entrar em contato com o Dr. Fayosa no seu E-mail: Fayosasolusionhome@gmail.com ou Whatsapp +2348151918774 .......para ajuda rápida, ele não irá decepcioná-lo, eu lhe dou 100% de garantia das minhas palavras.


De michael a 23 de Abril de 2021 às 14:33
Quase me suicidei por causa do meu marido que me deixou e que parou de atender meus telefonemas, respondendo meus e-mails e minhas mensagens. Ele disse que eu estava o traindo, tentei convencê-lo e implorar, mas ele não vai acreditar em mim ou me responder até que brigamos e estivemos separados por 6 meses, depois disso, eu percebo que não posso viver sem ele por causa do amor que tenho por ele. Tentei de tudo para recuperá-lo, mas não funcionou para mim, alguns falsos feiticeiros me enganaram e saíram com meu dinheiro até que encontrei um homem chamado Dr. OMON, ele ajudou a lançar um feitiço e aqui meu marido voltou depois de 48 anos . horas, implorando-me para me perdoar, fiquei tão surpreso que o feiticeiro como o Dr. OMON ainda exista. Se alguém aqui precisar de ajuda, com toda a sinceridade, entre em contato com o Dr. OMON hoje por e-mail: dromonbabalola@gmail.com ou WhatsApp: {+2348134046638}


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Não há fumo sem fogo!

. A agonia Cipriota

. Os erros e as consequênci...

. Termas de Monfortinho/Mon...

. Agora ao trabalho

. Novo Governo em Funções

. O Novo Governo

. Os Animais Também Amam

. Preocupação

. Campamha Eleitoral - Frus...

.arquivos

. Outubro 2014

. Abril 2013

. Março 2013

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Julho 2009

. Junho 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub